Tunelamento Quântico – mais uma propriedade ESTRANHA explicada pela Realidade Virtual da My Big TOE!

Tunelamento Quântico – mais uma propriedade aparentemente “mágica” das “partículas”, descoberta pela Física Quântica agora explicada pela Física Digital ou teoria da Realidade Virtual My Big TOE!

Tunelamento Quântico – mais uma propriedade “mágica” das “partículas”, descoberta pela Física Quântica agora explicada pela teoria da Realidade Virtual My Big TOE!

Ok, o que “raios” é Tunelamento Quântico?

Explicado de forma breve pelo Instituto de Física da USP isso ficaria assim (Clique na Figura acima para ver pagina da USP):

“Tunelamento quântico (ou Efeito Túnel) é um fenômeno da mecânica quântica no qual partículas podem transpor um estado de energia classicamente proibido. Isto é, uma partícula pode escapar de regiões cercadas por barreiras potenciais mesmo se sua energia cinética for menor que a energia potencial da barreira. Existem muitos exemplos e aplicações para os quais o Tunelamento tem extrema importância, podendo ser observado no decaimento radioativo alfa, na fusão nuclear, na memória Flash, no diodo túnel e no amplamente conhecido microscópio de corrente de tunelamento”.

Em outras palavras, as “supostas partículas” fazem algo que seria impossível para o conceito da física clássica ou tradicional: elas “parecem” atravessar paredes (barreiras) sejam elas “materiais” ou “campos eletromagnéticos”.

Imagem criativa para exemplificar o efeito do Tunelamento.

Uma metáfora clássica para o reultado deste efeito túnel (mas não seu mecanismo ou porquê) é o exemplo de levar uma pedra por sobre um morro. A massa ali no fundo do vale, não tem energia cinética suficiente para ultrapassar sozinha a barreira de energia potencial necessária, representada pelo morro. Deixada por si só, essa “massa” jamais chegaria ao outro lado do morro.

Mas no mundo das partículas não é isso que ocorre. De forma equivalente, seria como se a pedra encontrasse um túnel que a sugasse para o outro lado do morro. Ou como se ela se teletransportasse para o outro lado.

Tunelamento quântico (ou efeito túnel) é um fenômeno da mecânica quântica no qual partículas podem transpor um estado de energia classicamente proibido.

Isto é, uma partícula pode escapar de regiões cercadas por barreiras potenciais mesmo se sua energia cinética for menor que a energia potencial da barreira.

Existem muitos exemplos e aplicações para os quais o tunelamento tem extrema importância: decaimento radioativo alfa, na fusão nuclear, na memória Flash, no diodo túnel e no microscópio de corrente de tunelamento.

O tunelamento quântico foi desenvolvido a partir do estudo da radioatividade e teve impulso em meio ao crescente sucesso da mecânica quântica na terceira década do século 20 e renderam à física 5 prêmios Nobel.

Em 1927, Friedrich Hund foi o primeiro a tomar nota da existência do Efeito Túnel. George Gamow, em 1928, resolveu a teoria do decaimento alfa de um núcleo, via tunelamento com ajuda matemática de Nikolai Kochin.Max Born desenvolveu a teoria do Tunelamento, percebendo-a como uma consequência da mecânica quântica. Os físicos Leo Esaki, Ivar Giaever e Brian Josephson descobriram, respectivamente, o tunelamento de elétrons em semicondutores, supercondutores e a supercorrente através de junções em supercondutores.

Mas isso ocorre só na teoria ou tem impactos práticos?

Você pode estar se perguntando, mas isso realmente ocorre na prática ou é apenas mais uma teoria absurda. Note que dissemos que aplicações práticas reais, mais acima, foram descobertas ou desenvolvidas.

O sol e outras estrelas, só existem por causa da existência do efeito de tunelamento.

Fusão Nuclear no Sol (e a possibilidade da vida sobre a Terra)

Talvez a descoberta mais impactante é aquela sobre o funcionamento do próprio sol (e das demais estrelas do Universo).

Nas próprias palavras da “Wikipedia”: “Em função de sua massa, o Sol não tem a temperatura necessária para criar o processo de fusão nuclear de forma espontânea. Contudo, o tunelamento quântico faz com que exista uma pequena probabilidade de o hidrogênio, espontaneamente, criar a fusão nuclear mesmo sem a temperatura necessária. Visto que o Sol possui uma vasta reserva de hidrogênio, essa pequena probabilidade se manifesta em energia suficiente, possibilitando a vida na Terra”.

Atenção acima para a palavra mais importante da descrição dada “probabilidade”. Voltaremos a isso.

Ou seja, nada mais nada menos, se não fosse pela existência comprovada do “tunelamento”, não existiria sol e não existiria vida na terra. Não é pouca coisa.

Há muitos outros impactos práticos baseados no tunelamento, inclusive a criação de um microscópio eletrônico que gera imagens superfícies quase tão pequenas quanto os “átomos”.

Ilustração de uma partícula aparecendo do outro lado de uma barreira.

Como My Big TOE explica isso?

E como a My Big TOE de Tom Campbell explica a possibilidade e funcionamento desse fenômeno?

Como você poderá ver em mais detalhe em outros artigos do Blog My Big TOE, em nosso ebook gratuito (pode ser baixado aqui no site) e com maior fundamento nos livros e vídeos My Big TOE do Tom Campbell, este modelo é baseado em Consciência, que é um dos seus dois pressupostos.

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA VER NOSSO
NOVO PACOTE DE COM 16 AUDIOS BINAURAIS

Esta consciência é digital e se desenvolve para gerar tudo o que existe, na forma de uma “Realidade Virtual”. De forma muito curta aqui, pois o foco principal é a explicação da TOE (Teoria de Tudo) para o tunelamento e não a teoria em si, nossa aparente realidade física, funciona de forma programada como um simulador virtual ou jogo de computador (The Sims ou The World of Warcraft).

Agora pelo menos assuma (ainda que temporariamente) que esta proposição da realidade ser virtual, gerada por uma programação, e aí podemos dar a explicação para o Tunelamento, que vem facilmente quando consideramos esse modelo.

A existência de uma quantidade de partículas, na forma de um gás hidrogênio por exemplo, sob pressão dentro de um botijão, tem sua “realidade” gerada ou renderizada para nossos sentidos de percepção, por um programa. Esse programa considera, como seria de se esperar, uma alta probabilidade da existência de partículas do gás, em qualquer lugar dentro do botijão.

Tunelamento Quântico Explicado Em Vídeo

Como estamos falando de probabilidades, mesmo nas caudas da distribuição estatística, existe probabilidade ainda que baixa, de que apareçam (sejam renderizadas) partículas daquele gás fora do botijão. E as equações de Schroedinger (sim, o mesmo do gato) mostram claramente o cálculo para essas probabilidades.

Dado esse cenário, e como a quantidade de partículas do gás sob pressão no botijão se chocando contra suas paredes internas é enorme, acaba existindo uma possibilidade significativa de encontrarmos partículas renderizadas do lado de fora e finalmente as encontramos mesmo ali.

As partículas não são pontos com “massa” (matéria) que podem magicamente atravessar paredes “sólidas”.

As partículas existem como uma nuvem de probabilidades, assim sua existência está probabilisticamente prevista também do lado de fora. E quando verificamos com nossos instrumentos, realmente as encontramos ali, fruto das “probabilidades” calculadas pelo programa de “computador¨ rodando na consciência e gerando a realidade virtual.

E você, o que acha disso?

E você, o que acha disso tudo? Como é ver um mistério quântico explicado pela Física Digital?

Terminada a explicação, que é simples (dado algum entendimento prévio da teoria, aqui apenas superficialmente tocado), o que você pensa dela? Acredita que possa haver alguma probabilidade dela estar certa?

Compartilhe suas impressões conosco aqui no blog….

4 comentários em “Tunelamento Quântico – mais uma propriedade ESTRANHA explicada pela Realidade Virtual da My Big TOE!”

  1. Deveria fazer um comparativo e sintonizar esse trabalho do Tom campbell com o trabalho do Bio Centrismo de Robert Lanza… acredito que o Tunelamento Quântico necessite de uma somatória de consciências, que na verdade seria “a consciência una” para forçar o imergir da realidade… por isso o poder das mídias para fazer emergir x ou y, a apropriação da narrativa… o FARAÓ direcionava a força criada pela pilha de sacerdotes e faziam emergir realidades. Bom… não sei se estou falando bobagem, não sei se entendi…

    Responder
    • Olá Paulo, eu conheço pouco do trabalho do Robert Lanza, mas provavelmente o que ocorre é que o trablho do Tom dá um suporte teórico sobre o funcionamento da realidade, que pode descrever qualquer efeito que nela ocorra, já que é realmente uma teoria de tudo, e não apenas uma teoria particular de algum ponto da Física. É uma teoria da consciencia e da realidade. Por exemplo suporte completamente o trabalho do Bruce Lipton que já têm alguns vídeos com o Tom, assim com o Dean Radin… Eu te digo que é bem completa e abrangente, como nenhuma outra… vale investigar… Por exemplo dá suporte a formação de uma mente coletiva entre grupos de pessoas com objetivos comuns, como talvez o caso que você descreve dos Faraós usando os sacerdotes… (que eu desconhecia).

      Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WhatsApp Fale Comigo!